05 novembro, 2007

Saudades

Ás vezes o trabalho não me permite estar sempre com a mulher da minha vida, ficamos algum tempo distantes e a cada dia que passa aquele sentimento de falta de carinho, amor, companhia etc. deixa-me ainda com mais vontade de largar tudo e correr para os braços dela, sentir o seu calor, a sua ternura passada através do simples toque. É sempre assim que me sinto, cada vez que já de longe a vejo à porta de casa à minha espera, a deixar escapar um enorme sorriso da sua boca linda, beijo-a, sinto-a e volto a beijá-la demoradamente, depois paro e fixo-me no seu olhar, meigo e sereno, era quase como o sol radioso que aparece depois de uma tempestade.
"Tinha tantas saudades tuas amor", confessou mesmo antes de me convidar a entrar para tomar um pequeno lanche, aceitei, comi tudo o que me foi disposto à frente sempre a trocar olhares com ela numa conversa banal do que tinha sido a minha ausência. Mas eu não estava completamente saciado, a fome que me alimentava a imaginação era outra, tornara-se agora num desejo de lhe tocar, sentir a magia da sua pele a tocar na minha e então comecei a imagina-la sem roupa, a aproximar-se de mim para me ver daquela forma também, ela viu o meu estado pensativo e misterioso como a olhava, mas não fui capaz de esconder aquilo que imaginara, por baixo da minha roupa o meu sexo começou a inchar, ficou volumoso e com uma enorme vontade de se soltar.
Levantei-me da cadeira e puxei-a em direcção ao sofá da sala, ela sentou-se e eu pus música para criar um certo ambiente que se adivinhava perverso e quando me virei pude apreciar uma mão a tocar carinhosamente uma linda vagina toda aberta como que a chamar por algo que a preenche-se. Aproximei-me e baixei as calças e os boxers e direccionei o pénis duro e grande para aquele buraco escuro mas acolhedor...

[continua...]

Johnny © 2007

3 comentários:

Noivo disse...

promete:)

Anónimo disse...

bem adorei mxm mt...foi muito bonito...

ass:carinazinha

camas e algemas disse...

Isso promete, concordo com o noivo... fico à espera do resto da acção. bjs